Revista de Ciência Elementar

Albedo Terrestre

Autor: Manuel Salgueiro da Silva

Editor: Teresa Monteiro Seixas

O albedo terrestre (A) representa a fração de radiação eletromagnética solar incidente na Terra (Ei) que é refletida para o espaço (Er):

Considera-se, nesta definição, todo o espetro de radiação eletromagnética, ainda que o espetro solar seja dominado pela radiação visível. É uma medida do poder refletivo global da superfície e atmosfera terrestres, sendo o seu valor médio aceite A ≈ 0.30.

No caso de uma superfície arbitrária, os valores de A situam-se no intervalo 0 ≤ A ≤ 1, ou, em percentagem, 0% ≤ A ≤ 100%. Uma superfície branca ideal tem um albedo de 100% e uma superfície negra ideal 0%.

O albedo depende de vários fatores:

  Superfície      Albedo(%)   
Neve, fresca 75 - 95
Neve, velha 35 - 70
Gelo, cinzento 60
Água, profunda 5 - 20
   Solo, escuro molhado    6 - 8
Solo, claro seco 16 - 18
Solo, vermelho 17
Argila, molhada 16
Argila, seca 23
Solo, arenoso 20 - 25
Solo, turfa 5 - 15
Lava 10
Tundra 15 - 20
Areia, dunas 20 - 45
Nuvem, espessa 70 - 95
Nuvem, fina 20 - 65
Estrada, asfalto 5 - 20

Referências

  1. Roland B. Stull, Meteorology for Scientists and Engineers, 2nd. edition, Brooks/Cole, 2000.